“Seja você o primeiro a destruir o seu modelo de negócio”, diz ex-Netshoes

Chamada de Champion versus Challenger, a lição de Mendes apresentada no Gramado Summit parece contraditória, mas não é tanto assim

Isabela Borrelli é repórter do Portal StartSe

9 de agosto de 2018

Renato Mendes, ex-head de marketing do Netshoes, deixou claro que ter agilidade e se auto-desafiar são dois fatores imprescindíveis para um empreendedor. A não ser que ele queira ser engolido pela concorrência.

Chamada de Champion versus Challenger, a lição de Mendes apresentada no Gramado Summit parece contraditória: afinal, por que um empreendedor iria querer destruir o próprio modelo de negócios? Mas o também autor do livro Mude ou Morra sabe do que está falando.

Ao liderar um negócio, é comum que o empreendedor, uma vez achado um modelo de negócio que funcione, escale e se acomode com o crescimento estável. Acontece que hoje vivemos a nova economia e ela não aceita amadores: é preciso manter a cabeça no futuro se deseja que o empreendimento sobreviva.

“Em algum lugar tem alguém fazendo exatamente o que você faz. Por isso, seja você o primeiro a destruir o modelo de negócio que te trouxe até aqui ao invés de se acomodar e deixar um concorrente te agredir”, aconselha Renato Mendes. Em outras palavras, é preciso sempre se forçar para fora da zona de conforto.

Mas como fazer isso?

Uma dica: agilidade, inconformidade e contato constante com os clientes. Nas palavras de Mendes: “A única forma de se manter no topo é se questionar, para isso, é preciso apostar em pequenos ciclos de mudança, inovação e perspectiva e a forma de fazê-lo é ficar em contato com clientes e pegar feedback deles”.

Além disso, o expert compartilhou um passo a passo:

  1. Descubra seu modelo campeão
  2. Questione seu modelo e desenhe hipóteses
  3. Levante hipóteses e priorize-as
  4. Teste rápido e de forma barata (em outras palavras, faça um MVP)
  5. Mensure os resultados e colete evidências do sucesso ou insucesso
  6. Aprenda com os resultados, se forem negativos, corrija os erros ou pivote, se for positivo, siga para o próximo
  7. Escale… E não espere muito para voltar para o passo número 1!
Tags
Compartilhe:
Classifique: