Quem é a alumni do StartSe por trás da Grabr no Brasil

Com 33 anos, Michele trabalhou 7 anos como CEO de uma escola de idiomas que ela mesmo criou, mas ao sentir uma lenta evolução ela sabia que precisava pivotar. Movida por uma inquietude e vontade de inovar ela embarcou pro Vale do Silício e lá diz ter se encontrado.

21 de dezembro de 2017

Criada por dois empreendedores russos, Daria Rebenok e Artem Fedyaev, a Grabr é uma plataforma de compartilhamento de espaço livre na bagagem de viagem. O que isso quer dizer? Que a plataforma conecta viajantes internacionais e compradores locais que até então não tinham acesso ou tinham que aguardar a próxima viagem pra adquirir os produtos desejados.

Dessa forma o viajante internacional consegue aproveitar o espaço que já teria livre na sua bagagem pra fazer uma graninha extra, enquanto que o comprador ganha acesso ao que antes não teria, e de forma bem mais barata.

Como toda inovação que nasce de uma necessidade ou problema, os fundadores desenvolveram a ideia à partir de uma carência própria, a de ter alcance a produtos pouco acessíveis procedentes dos lugares que eles mesmo viajavam.

Após criar o site pra validar sua ideia eles descobriram que muita gente tinha a mesma dificuldades de acesso que eles em relação às mercadorias estrangeiras. Foi assim que em 2015, estabelecidos em São Francisco, eles começaram a desenvolver a sua startup.

Com muita demanda no Brasil, a Grabr procurava um embaixador da marca aqui no Brasil, que pudesse representar a empresa e intermediar as transações.

Encantada pela ideia da Grabr, Michele Chahin, que participou da Learning Experience em Junho desse ano, buscava uma transição de carreira ao ir para o Vale e encontrou na startup a possibilidade de se tornar embaixadora e representante da marca no Brasil. O time conta com mais de 30 membros globais, e ela é a primeira sediada no Brasil e chega com a missão de manter e aumentar o crescimento da empresa em território nacional de 30% mensais.

Ela me contou casos muito interessantes de pessoas que estão enxergando nesse modelo de negócio de economia compartilhada uma oportunidade para sanarem outros problemas, como por exemplo um rapaz com necessidade de um suplemento físico para a saúde que é caro e difícil de ser encontrado no Brasil. Ele conseguiu economizar 70% do valor comprando através dos viajantes da Grabr. Ou até mesmo um casal que mora à distância e agora consegue se ver com mais frequência por ter parte dos custos da viagem subsidiados pela Grabr.

Com 33 anos, Michele trabalhou 7 anos como CEO de uma escola de idiomas que ela mesmo criou, mas ao sentir uma lenta evolução ela sabia que precisava pivotar. Movida por uma inquietude e vontade de inovar ela embarcou pro Vale do Silício e lá diz ter se encontrado. Se sentiu em casa, com pessoas que pensam como ela, que querem ver mudanças tomando plano, que compartilham seu propósito.

Foi assim que ela abandonou o laboratório de inovação onde estava trabalhando e embarcou nessa aventura! Pra quem tiver interesse o código 20FROMMICHELE, especial para a StartSe fica válido até o final de janeiro e fornece $20 de crédito!

Site Grabr: https://grabr.io/pt/

Contato Michele Chahin

Email: michele@grabr.io

LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/michelechahin/

Link de desconto: i.grabr.io/michele

Faça como a Michele e venha você também para o Vale do Silício!

Compartilhe:
Classifique: