Softbank pode investir US$ 750 milhões em startup de robô que faz pizza

A Zume Pizza usa robôs desde a produção até na entrega da pizza – e possui caminhões onde elas terminam de assar no caminho

Tainá é repórter da StartSe

8 de agosto de 2018

O Softbank Vision Fund, um dos maiores investidores do mundo, pode investir de US$ 500 milhões a US$ 750 milhões na Zume Pizza, uma startup que traz robôs para a produção de pizza. Se realizado, esse será o maior investimento que a startup já recebeu.

Criada em 2015 por Alex Garden e Julia Collins, a Zume Pizza utiliza robôs desde à produção até a entrega da pizza – ela só termina de assar dentro do caminhão de entrega, que conta com fornos. O objetivo da startup é mudar o sistema de delivery e entregar uma refeição mais fresca aos consumidores – literalmente recém-saída do forno.

Na produção das pizzas, humano e robô trabalham lado a lado. Enquanto um humano abre a massa para a pizza e a coloca numa esteira, uma máquina dispensa a quantidade de molho de tomate necessária e o robô “Marza” o espalha com movimentos circulares. Então, um humano coloca o recheio de cada pizza e o robô “Bruno” a posiciona delicadamente no forno para pré-assar.

Quando um pedido é feito, a startup termina de assar a refeição durante o caminho até a casa do cliente, garantindo uma pizza quentinha e crocante. Os fornos acendem e desligam de acordo com um sinal remoto.

Com o investimento, o Softbank Vision Fund demonstra a ambição de entrar também no setor de alimentação, segundo a Bloomberg. Ainda neste ano, o grupo liderou uma rodada de US$ 535 milhões em investimentos na DoorDash, uma startup de delivery. De acordo com o veículo, o fundo de investimentos poderia auxiliar na internacionalização da Zume – como aconteceu com o Ola, Grab e Didi Chuxing, startups investidas pelo fundo e que expandiram seus negócios de delivery de refeições.

Por enquanto, a Zume está operando com três caminhões em sua sede em Mountain View, Califórnia. Segundo a Bloomberg, a startup tem a ambição de realizar parcerias com o UberEats e a DoorDash.

Um dos maiores questionamentos do século XXI é se seremos substituídos por robôs no trabalho no futuro. Essa é a pergunta de um milhão de dólares, mas já é seguro dizer que estamos contando com o auxílio de robôs em alguns cargos – inclusive nos casos mais curiosos como fazer pizzas. Conheça um pouco mais sobre como será o futuro do trabalho e da gestão no RH Day, evento da StartSe que reunirá os maiores especialistas do setor. Confira aqui!

Compartilhe:
Classifique: