RadioSparx oferece serviço de streaming musical para empresas

Com um portfólio superior a 400 mil músicas, a plataforma permite que seus clientes economizem até 90% em relação ao valor pago mensalmente ao ECAD

Lucas Bicudo é repórter do Portal StartSe.

18 de maio de 2017

A RadioSparx (confira seu perfil na base do StartSe) é uma startup de licenciamento musical B2B. A ideia é que empresas consigam ter um serviço de streaming, similar ao Spotify, sem a necessidade de pagamento mensal ao Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (ECAD – órgão que centraliza a arrecadação e a distribuição de direitos autorais).

Com um portfólio superior a 400 mil músicas, a plataforma permite que seus clientes economizem até 90% em relação ao valor pago mensalmente ao ECAD. Artistas filiados à rádio conseguem vender suas composições e receber pelos direitos autorais sempre que forem transmitidas. Os músicos ficam com 20% de cada contrato fechado com alguma empresa. O sistema conta com cerca de 6 mil artistas cadastrados e 5 mil novas composições registradas mensalmente.

Essa era uma dor do músico Eduardo Di Napoli Bermúdez, que comprou o direito da marca estadunidense aqui no Brasil em 2015. São três planos disponíveis: mensalidade, no valor de R$ 74,95; plano trimestral, por R$ 190,95; e o anual, custando R$ 674,55.

Além da sede norte-americana e da brasileira, a RadioSparx também está na Turquia. A plataforma é usada por clientes como Nike, Mc Donald’s e Ralph Lauren em mais de 60 países e fatura U$ 1 milhão por ano mundialmente.

Faça parte do maior conector do ecossistema de startups brasileiro! Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo! E se você tem interesse em anunciar aqui no StartSe, baixe nosso mídia kit.

Receba o melhor do nosso conteúdo para te ajudar

Compartilhe:
Classifique: