Fintechs do Fintouch: FitBank, automação financeira integrada a sistemas de gestão

O poder de uma tesouraria online e um sistema de contas com serviços financeiros, num único ambiente

Lucas Bicudo é repórter do Portal StartSe.

27 de julho de 2017

O poder de uma tesouraria online e um sistema de contas com serviços financeiros, num único ambiente, oferecendo domínio pleno do fluxo financeiro, fazendo com que a experiência de cobrança e pagamentos seja transparente no dia a dia da empresa, totalmente embarcada no sistema de gestão dos clientes.

O FitBank (confira seu perfil na base do StartSe) entrega automação financeira integrada a sistemas de gestão, com serviços de emissão de boletos, cartões de débito e crédito, transferências e recebimentos de TED, além de pagamentos de boletos, concessionárias e impostos.

Tudo executado via API, o sistema elimina o CNAB e adiciona serviços compartilhados de Split, Recorrência, Emissão de NF, Notificação e Cobrança via e-mail e SMS customizável, Cálculo de Comissões e Repasses, por exemplo.

Atualmente, existem cerca de 600 desenvolvedores de software no Brasil e estima-se que mais de 280.000 empresas migrarão para um ERP no médio/longo prazo (Gartner Group).

“Atendemos ERPs Online & Standalone (imobiliário, manufatura, serviços, varejo, agronegócio, construção civil, distribuição e logística, saúde, RH); empresas com alta demanda de recebimentos & pagamentos (boleto, TED, folha de pagamentos, impostos, concessionárias etc.); Marketplaces (split, gestão de contas, pagamento de comissões e recorrência); Startups (automação financeira total para seu negócio)”, comenta Michel Madeira, Chefe de Vendas e Marketing.

Com o aprendizado que adquiriu ao longo de sua passagem pelo mercado de pagamentos, Otavio Silveira Farah, o CEO do FItBank, decidiu construir uma solução pautada em 3 pilares: escalabilidade, rastreabilidade e conectividade.

“Escalabilidade, que permitiria que operações originadas por demandas distintas fossem executadas sem que isso trouxesse desafios tecnológicos para o FitBank. Rastreabilidade, que garantisse que cada mínimo centavo em carteira tivesse origem e destino. E conectividade, permitindo que plataformas que conheçam as demandas de pagamento/fluxo financeiro pudessem as executar através de nosso sistema”, continua.

A startup também conta com o Agilly, uma iniciativa proprietária do FItBank, como a plataforma de gestão de cobrança do profissional liberal, ferramenta para emissão de boletos registrados e transferência dos recebimentos para contas de mesma titularidade, que vem atendendo autônomos no setor da saúde, por exemplo.

“Além de ser uma fonte de receita para o FitBank, o Agilly consome e utiliza as APIs de pagamento, e serviu como nosso cartão de visitas para o mercado B2B”, finaliza.

A FitBank é uma das que terão estandes na maior conferência de fintechs do Brasil – uma co-realização entre o StartSe e a ABFintechs. Você pode conhecer mais detalhes sobre a feira (e garantir sua participação) através deste link. Não perca a oportunidade de participar!

Faça parte do maior conector do ecossistema de startups brasileiro! Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo! E se você tem interesse em anunciar aqui no StartSe, baixe nosso mídia kit.

Receba o melhor do nosso conteúdo para te ajudar

Compartilhe:
Classifique: