EduQC usa inteligência artificial e machine learning para ajudar candidatos a ABIN

Plataforma ajuda os candidatos a se prepararem para a prova de seleção da ABIN com objetivo de diminuir a ansiedade dos indivíduos

inteligência artificial

Elena Costa é repórter do StartSe.

6 de dezembro de 2017

EduQC usa inteligência artificial e machine learning para tornar a entrada de qualquer individuo brasileiro ao ABIN mais tranquilo. Como? Simples! Ele determina a melhor estratégia de estudos de acordo com as características de cada candidato, preparando o indivíduo para a prova. A ideia e criação da plataforma é de engenheiros formados no ITA que tiveram a ajuda de um ex-oficial da ABIN.

Os engenheiros desenvolveram um algoritmo que usa o nível de conhecimento do candidato e o tempo que ele tem disponível antes do exame. Com essas informações ele monta um mapa com o tempo que o candidato deve estudar cada matéria e conforme a melhora do desempenho a plataforma se adapta para refletir a evolução.

Victor Maia, um dos fundadores da EduQC, afirmou que, “o objetivo final que é passar na prova deixa de ser intangível, e passa a ser uma meta mais fácil de alcançar” e completa dizendo que esse processo reduz a ansiedade do candidato e aumenta as chances de sucesso, isso se o indivíduo seguir à risca as instruções.

A ABIN (Agência Brasileira de Inteligência) abriu as vagas em julho, algo que não faz há 10 anos, o que resultou em número elevado de vagas. Além disso, o que impulsiona a demanda de candidatos é o salário que inicia nos R$15 mil.  Para quem tem curiosidade, o trabalho de um agente é descrito pelo ex-oficial Carlos Tomé como: “Muito longe da ficção. Na prática, os oficias se dividem em dois grupos: os analistas sistematizam, interpretam e qualificam dados em geral, e os operacionais são responsáveis por obter estas informações quando elas não são acessíveis de maneira convencional”.

Se você tem uma startup voltada para esse setor e está diante de um ambiente desses, certamente não pode deixar a oportunidade passar batida. Para te ajudar a capitalizar o momento, temos um e-book “Como fazer um pitch para atrair investidores“, em que você entrará em contato com dicas valiosas para dizer o máximo, no mínimo de tempo.

Participe do maior censo de startups do Brasil! Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo!

E caso você tenha interesse em patrocinar eventos da StartSe, envie um e-mail para patrocinio@startse.com.br

Compartilhe:
Classifique: