Agora você pode controlar fornos e microondas usando comandos de voz

Os aparelhos inteligentes da empresa funcionarão com o Amazon Alexa e o Google Assistant

Isabella Câmara é repórter do StartSe.

10 de janeiro de 2018

A gama Smart Front-Control e Smart Over-the-Range da Whirlpool funcionará com o Assistente do Google e a Alexa a partir do meio desse ano. A integração com esses sistemas significa que será possível dar comandos de voz para controlar algumas funções dos eletrodomésticos, como o pré-aquecimento do forno.

Descubra quais as inovações mais promissoras que estão chegando no evento 2018: A Revolução da Nova Economia!

O problema da vida real – no qual as pessoas estão extremamente ocupadas na cozinha – criou uma oportunidade para a empresa fazer aparelhos de cozinha que respondessem aos comandos de voz dos cozinheiros. A tecnologia permitirá que você diga os comandos para o alto-falante inteligente que, por sua vez, controlará seus aparelhos conectados à internet se suas mãos estiverem ocupadas.

A capacidade de controle de voz no microondas , que custa aproximadamente US$ 619, não se aplicam a todas as funções. Só será possível usar os controles de voz para operar o microondas quando utilizar seu modo de comando por convecção – ou seja, um elemento de aquecimento que cozinha sua refeição ao invés do microondas.

Além disso, o painel de controle do microondas  fará um registro do que você está cozinhando para que, eventualmente, ele faça uma previsão do que você cozinhará em seguida. Por exemplo: se você usar o modo de cozimento predefinido de aveia para o café da manhã todos os dias, o aparelho colocará essa opção como principal pela manhã.

O Whirlpool também incluiu um recurso de digitalização no microondas para ajudá-lo a preparar itens de conveniência. Com ele, é possível utilizar um aplicativo para verificar o código de barras de uma refeição congelada e para enviar as indicações de aquecimento, temperatura e as configurações de tempo de cozimento de cada alimento ao microondas.

Se você quer ficar por dentro das últimas inovações do mundo, não fique fora do 2018: A revolução da Nova Economia. Inscreva-se!

(Via CNET)

Compartilhe:
Classifique: